Enquete

Qual é a sua opinião, com relação ao trabalho da imprensa escrita de Leopoldina?
 

Visitantes

mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
mod_vvisit_counterHoje794
mod_vvisit_counterOntem851
mod_vvisit_counterEsta Semana6842
mod_vvisit_counterSemana Passada9018
mod_vvisit_counterEste Mês27419
mod_vvisit_counterMês Passado54707
mod_vvisit_counterTodos os Dias2194198

We have: guests online
Hoje: 23 Jul, 2016

banner_equipe
Início Notícias de Leopoldina
Notícias de Leopoldina
ALUNA DO CONHECER RECEBE PREMIAÇÃO EM CONCURSO DA ALLA. PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Qua, 15 de Junho de 2016 13:00

Kauane_Neto_CabralA aluna Kauane Neto Cabral, aluna do Conhecer, ficou em 3º lugar mo III Concurso Literário promovido pela Academia Leopoldinense de Letras e Artes, na categoria poesia, representando muito bem a Associação Conhecer e seus colegas que também participaram do Concurso. O POEMIZAR é um projeto que faz parte do Conhecer desde 2012, onde o Professor Marcony Alhadas envolveu os alunos e Educadores no universo mágico e encantado da poesia. Os alunos desta renomada Escola, que a cada dia ganha mais espaço na área da Educação em nossa cidade, são levados pelo encantamento da poesia em rodas de declamação, hora da poesia e nos momentos de compartilhar semanalmente na Escola, despertando assim, a sensibilidade e oralidade e ampliando o universo cultural das crianças, colocando-as em contato com grandes nomes da Literatura e da poesia do país e do mundo. Parabéns para Kauane que recebeu o prêmio, para os demais alunos que participaram: Guilherme Lomba Fontanella, Leandra Resende Couto Gonçalves, Marcos Vinícius Mendonça Vieira, Sara Rocha da Silva Costa e Yasmin Vicente Alves da Silva e para as Professoras Marilda Carneiro e Dora Araújo que realizam um trabalho ímpar, com o apoio da diretora Cida Nunes e da Coordenadora Cláudia Duque.

argaiv1252

 

 
Alunos do 4º ano do Colégio Equipe visitaram a Câmara Municipal. PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Qui, 09 de Junho de 2016 16:24

20160609_151748_CopyQuarenta e sete alunos, de duas turmas do 4º ano do ensino fundamental, acompanhados de suas professoras, Fabiana Cirino Miranda de Oliveira e Rafaella Carvalho Teixeira Machado, e da coordenadora, Márcia Pereira Ramos, visitaram a Câmara Municipal de Leopoldina, na tarde desta quinta-feira, dia 09 de junho de 2016. Inicialmente, o Presidente da Câmara, vereador Ivan Martins Nogueira, mostrou aos alunos e professores, todas as repartições do Poder Legislativo. Já no plenário, os vereadores Ivan Martins Nogueira, Diego de Freitas Pereira e Paulo Sérgio Celestino de Oliveira, responderam a mais de vinte perguntas que foram feitas por diversos alunos, que abordaram todo o funcionamento da Câmara Municipal, tais como: a história da Câmara Municipal, como funciona a tramitação de projetos de lei e como os mesmos são apresentados, quais são as funções dos vereadores, em quais dias e horários as reuniões ordinárias são realizadas, entre outros.

 
EM BUENOPÓLIS Suspeito confessa que estuprou, matou e arrancou coração de menina PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Qua, 08 de Junho de 2016 16:20

Lopes contou que enterrou o coração da menina perto da casa dela. Ele disse ter cometido o crime porque ficou sabendo que a família da vítima teria dinheiro.

PUBLICADO EM 08/06/16 - 15h40

Procurado, desde a última quinta-feira (2), quando o corpo de Raiane Aparecida Cândida Costa, 10, foi achado sem o coração, o suspeito Jairo Lopes, 42, foi preso na manhã desta quarta-feira (8). O crime ocorreu em Buenopólis, na região Central do Estado. Na Delegacia de Polícia Civil de Curvelo para o criminoso foi levado ele confessou ter estuprado, matado a menina e arrancado o coração dela.

"Eu não queria ter feito isso não. Mas aconteceu que ela morreu, né? Por mais que eu explique, as pessoas não acreditam na gente. Não tem como eu explicar o motivo. Não tem como. Eu peço desculpas, mas ninguém perdoa não", afirmou o suspeito.

Ainda segundo a Polícia Civil, Lopes contou que enterrou o coração da menina perto da casa dela. Ele disse ter cometido o crime porque ficou sabendo que a família da vítima teria dinheiro. O suspeito disse que saiu com a menina a princípio para fazer uma chantagem com a família, porém ele estrangulou Raiane estuprou a menina, pegou uma faca e arrancou o coração dela. Segundo a polícia, ele pode ter retirado órgão para fazer magia negra.

Ao todo, Lopes confessou ter cometido três estupros , dois homicídios e dois roubos. Ele estava foragido há três anos.  A Polícia Civil vai nesta tarde para o local onde ele enterrou o órgão. Segundo a polícia o suspeito será indiciado por estupro qualificado e ocultação de cadáver.

Suspeito tinha negado crime para a Polícia Militar ao ser preso

Para a Polícia Militar ele negou que tivesse cometido o crime. De acordo com o subcomandante do 42° Batalhão da Polícia Militar de Curvelo, Major Savio Lemos, a prisão do suspeito ocorreu por volta das 8h40 da manhã. Jairo Lopes foi encontrado por funcionários de uma fazenda na zona rural da cidade.

"Ele falou que a mulher mandou ele embora de casa. Não assumiu a autoria do crime. Ele nega", completou o subcomandante Savio Lemos. Ainda segundo o comandante a polícia foi acionada por funcionários da fazenda. "Eles o encontram no campo, fugindo. Cerca de 15 pessoas estavam trabalhando na propriedade que é enorme. No entanto, eles já estavam informados que o suspeito estava rondando a região. A PM já tinha passado fotos do Jairo para os lavradores. Hoje, eles viram uma pessoa diferente nas pastagens. O suspeito chegou a se esconder no meio da vegetação, mas foi encontrado. Os populares precisaram empenhar força física para contê-lo, porque ele ofereceu resistência", contou o militar.

O cabo Rondinele Veloso da 14° Cia Independente de Meio Ambiente e Trânsito que estava empenhado na ocorrência destacou ainda que populares quiseram linchar o suspeito.  "Alguns funcionários da fazenda estavam a cavalo e outros na carroceria de um caminhão. Muitas pessoas se aglomeraram, na ocasião, e queriam linchar o suspeito, mas conseguimos impedir. Na hora que foi pego, ele tentou fugir dos populares, mas acabou sendo amarrado por um vaqueiro", explicou o cabo.

Ainda conforme o subcomandante, 40 homens estão empenhados neste momento na ocorrência. A guarnição está em frente à Segunda Delegacia Regional de Curvelo, no Centro da cidade. Foi preciso isolar a área, pois curiosos estão na porta da Delegacia. Durante a semana, 150 militares estavam empenhados nas buscas na zona rural de Curvelo. "Foi crucial manter as pessoas informadas da presença do suspeito na região", finalizou o subcomandante.

Entenda o caso

Jairo Lopes era vizinho da menina Raiane, em Buenópólis, na região Central do Estado, e teria a estuprado, matado e arrancado o coração dela.

Antes deste crime, ele já era procurado pela Justiça por homicídio, um outro estupro e roubo. O homem usava nome falso e, uma semana antes de matar a menina, apareceu no imóvel em que a garota morava com a família.

A criança não tinha sido mais vista após sair de casa sozinha para ir à escola na manhã de quarta-feira (1º). O pai da menina contou à polícia que a filha tinha que voltar para casa às 14h. Como a criança não apareceu, ele foi até a escola, onde foi informado que a vítima não havia aparecido na instituição. Em seguida, o homem foi atrás do motorista do escolar que levava a pequena para estudar.

Ele contou que passou no ponto em que costumava pegar a estudante, mas ela não estava. Após o registro da ocorrência, policiais civis e militares começaram a fazer buscas na cidade. Na quinta, a estudante foi encontrada na zona rural de Buenópolis. Seu corpo estava coberto. Além de sinais de abuso sexual, ela apresentava várias lesões e uma perfuração no estômago. Seu coração não foi encontrado.

A vítima era a filha caçula. Ela tem um irmão de criação de 18 anos. Há cerca de oito meses, a mãe da menina faleceu devido a problemas de saúde. Desde então, a criança era criada pela avó materna e pelo pai. (Fonte: www.otempo.com.br)

 
Morre o radialista Aléx Siqueira, aos 44 anos. PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Sex, 13 de Maio de 2016 08:50
foto_alex_siqueiraMorreu na madrugada desta sexta-feira, dia 13 de maio de 2016, por volta das 02:00 horas da manhã, na Casa de Caridade Leopoldinense, o radialista Alexandro Diniz Siqueira, profissionalmente conhecido como Aléx Siqueira. Ele começou muito cedo a trabalhar no meio radiofônico, tendo passagens pela Rádio 104,3 FM e atualmente apresentava um programa diário nas tardes da Rádio Jornal AM.  Aléx Siqueira era também apresentador de eventos. Recentemente, ele apresentou um desfile de costureiras, promovido pelo Sindicato das Costureiras de Leopoldina e região. Ele nasceu no dia 27 de fevereiro de 1.972, tinha 44 anos e atualmente era casado com Rita Gomes. Era evangélico, tendo sido batizado em outubro de 2012. Segundo informações, Aléx Siqueira estava muito gripado nas últimas semanas e na segunda-feira, dia 09 de maio de 2016, às 23:00 horas, deu entrada no Pronto Socorro Municipal, com febre muito alta, tosse e calafrios, tendo sido imediatamente internado na Casa de Caridade Leopoldinense, onde foi constatado que ele estava com pneumonia. 
 
Saiba quais são os vereadores que trocaram de partido PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Qua, 11 de Maio de 2016 20:38

Terminado o prazo legal para as filiações partidárias, alguns vereadores leopoldinense  trocaram de partidos  e definiram as suas posições: Totõe Pimentel deixou o PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira e filiou-se ao PHS – Partido Humanista da Solidariedade, partido também o qual foi eleita e continua filiada, a vereadora Kélvia Raquel. Havia especulações de que a vereadora Kélvia Raquel poderia mudar de legenda, pois o PHS é ligado ao grupo político do ex-prefeito e ex-deputado estadual Bené Guedes, esendo presidido em Leopoldina por Bernardo Guedes, filho de Bené Guedes. A especulação sobre a saída da vereadora Kélvia do PHS, ocorreu pelo fato da mesma ser ligada ao atual prefeito José Roberto de Oliveira, sendo uma parlamentar da bancada governista na Câmara Municipal. Mas segundo consta, Kélvia Raquel resolveu continuar filiada ao PHS, devido a um entendimento ocorrido com o deputado federal Marcelo Aro, que é o Presidente Estadual do Partido em Minas Gerais. Já o vereador Leandro de Almeida Machado, o Dandinho, deixou o PP – Partido Progressista e se filiou ao PSB – Partido Socialista Brasileiro. Otávio Arantes Xavier, trocou o PTN – Partido Trabalhista Nacional, pelo PSD – Partido Social Democrático, mesmo partido o qual é filiado o atual vice-prefeito Brênio Coli Rodrigues, pré-candidato a prefeito.  Já o vereador Diego de Freitas Pereira, que foi eleito pelo PSL – Partido Social Liberal, e foi filiado à REDE Sustentabilidade, agora é filiado ao PTdoB – Partido Trabalhista do Brasil. Gastão Brito, que é suplente de vereador e exerceu o mandato de vereador por dois meses, devido a licença do vereador Otávio Arantes, era filiado ao PHS, mas trocou esta sigla pelo PC do B – Partido Comunista do Brasil.

 Outros filiados e prováveis pré candidatos:

 
Montes Claros Funcionário furta R$ 170 mil e gasta com motéis, prostitutas e arma PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Qua, 11 de Maio de 2016 19:59

Suspeito de 18 anos trabalhava em uma loja de calçados há cerca de 2 anos; dentro de mochila, escondida no telhado da casa dele, a PM apreendeu submetralhadora calibre 9 mm e parte do dinheiro furtado.

Enviar por e-mail
roubo, montes claros
Arma e parte do dinheiro roubado foram apreendidos

Após roubar R$ 170 mil do proprietário da loja de calçados em que trabalhava, em Montes Claros, no Norte de Minas, um rapaz de 18 anos acabou preso na noite desta quinta-feira (28), quando já havia gasto a maior parte do dinheiro com uma submetralhadora, garotas de programa e motéis da cidade. Com ele foram encontrados pouco mais de R$ 36 mil.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), o suspeito trabalhava no estabelecimento, localizado no centro da cidade, há cerca de 2 anos. O dono da loja, de 55 anos, contou que guardou a quantia, fruto da venda de um imóvel e de agronegócios, em uma caixa de sapato que foi escondida no fundo de um armário no dia 20 de abril.

Somente no fim de semana o empresário descobriu que o dinheiro havia desaparecido e passou a suspeitar do rapaz, que trabalhava no estoque e não aparecia para o serviço desde o sábado. Diante disso, funcionários entraram em contato com o suspeito, que chegou a confessar o crime dizendo que não teria agido sozinho, mas sim na companhia de um "novinho".

Os colegas de trabalho do acusado chegaram a pedir que ele devolvesse o dinheiro, para evitar que a polícia fosse acionada, momento em que ele desligou o telefone e não foi mais localizado. Na segunda-feira (25) o empresário resolveu acionar a polícia e registrou a ocorrência indicando o ex-funcionário como suspeito.

Durante a confecção do boletim, o empresário acabou descobrindo que seu ex-funcionário se envolveu em uma confusão em um motel, onde ele e outros homens estariam na companhia de várias garotas de programa. Perguntado pela polícia sobre a origem do dinheiro gasto, o rapaz alegou que seria fruto de um acerto financeiro da firma onde trabalhava.

A reportagem de O TEMPO tentou contato com a loja de calçados, mas não conseguiu localizar o proprietário que teve os valores roubados.

A prisão

Na noite desta quinta-feira, a PM recebeu informações de que o jovem, que também é conhecido como Tiú, estaria escondido em uma casa no aglomerado Vila São Francisco de Assis. A denúncia dava conta ainda que ele estaria portando materiais ilícitos e grande quantia em dinheiro, que estaria ostentando em motéis da cidade e prostitutas.

Quando chegaram ao endereço indicado, no beco Saracura, o suspeito foi avistado e começou a agir de forma suspeita e acabou fugindo para casa, sendo abordado no quintal do imóvel. Questionado sobre o nervosismo, ele alegou que estaria temendo pela sua vida, uma vez que alguém estaria querendo matá-lo.

Durante as buscas, os policiais acabaram encontrando uma mochila em cima do telhado, onde estavam uma submetralhadora calibre 9 mm, 10 munições da arma e R$ 36.800 em dinheiro. Questionado, o jovem afirmou ter adquirido a arma por R$ 29 mil para se defender devido às ameaças, recebidas após o furto cometido. O suspeito afirmou ainda ter dividido a quantia com outras duas pessoas, não repassando os nomes dos suspeitos.

O caso será investigado pela Polícia Civil da cidade. (Fonte: www.otempo.com.br)

Atualizada às 18h31

 
Bairro Limoeiro terá novo nome: ROQUE SCHETTINO PDF Imprimir E-mail
Postado por Marcos Marinato   
Sex, 06 de Maio de 2016 09:43

roque_fotoPosto de Identificação da Câmara Municipal também foi denominado de Roque Schettino. 

Exatamente um ano após o seu falecimento, a Câmara Municipal de Leopoldina, aprovou por unanimidade, o Projeto de Lei nº 22/2016, que “Dá denominação de Roque Schettino a bairro que menciona na cidade de Leopoldina”, de autoria do vereador Ivan Martins Nogueira, do PMDB. Diz o artigo 1º do referido projeto de lei: “Fica denominado BAIRRO ROQUE SCHETTINO, o local compreendido entre o trevo rodoviário da BR 116, que dá acesso a Cataguases e o bairro Serra Verde, na cidade de Leopoldina.” O artigo 2º diz que “esta lei entrará em vigor na data da sua publicação” e o artigo 3º: “Revogam-se as disposições em contrário, especialmente a Lei nº 1.629, de 04 de agosto de 1.983”, sendo esta lei que denominada de bairro Limoeiro, a referida comunidade. Esta proposição de iniciativa do vereador Ivan Nogueira, teve excelente aceitação entre todos os vereadores, que consideraram esta homenagem justa, tendo em vista os excelentes serviços sociais prestados por Roque Schettino no bairro. O projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal, foi encaminhado para o Chefe do Poder Executivo Municipal, sendo que esta lei que dá o nome de Roque Schettino ao bairro Limoeiro, entrará em vigor assim que for sancionado pelo Prefeito Municipal. Também na mesma data, 03 de maio de 2016, foi aprovado por unanimidade na Câmara Municipal, o Projeto de Resolução nº 15/2016, que “Dá denominação de Vereador Roque Schettino ao Posto de Identificação da Câmara Municipal de Leopoldina”, de autoria do vereador Ivan Nogueira. O Posto de Identificação, localizado no Poder Legislativo, está emitindo as carteiras de identidade, primeira e segunda via, dos cidadãos.

 

Saiba mais sobre Roque Macário Braz Schettino
 
« InícioAnterior12345678910PróximoFim »

Página 1 de 69
Boa Tarde,

Leia o Jornal Online

edicao-070

Edições Anteriores

Publicidade

 tec-enf

finance

blogmarinato

bar-puca

Previsão do Tempo

Todos os Direiros reservados
Desenvolvido por